História

Publicado por Nataly Melo 06/02/2020 - 13:22 PM
0 min. leitura
Simulado-de-história
Simulado-de-história

Simulado com questões de História para concursos.

1. (FINIVERSA - 2009 - IPHAN - Analista - História) - As alternativas abaixo discorrem acerca dos significados da História. Assinale aquela que apresenta informações inconsistentes.
2. (Gestão de Concursos - 2019 - Pref. Uberlândia/MG - Analista Cultural - História) - Sobre os conceitos de museologia, assinale a alternativa correta.
3. (FCC - 2015 - TRT 3ª - Analista Judiciário - História) - Para serem considerados fontes documentais válidas em uma pesquisa histórica, os documentos devem ser:
4. (FCC - 2010 - Assembleia Legislativa/SP - Agente Técnico Legislativo - História) - A identidade regional paulista é fenômeno multifacetado, cujas raízes, segundo alguns pesquisadores, já podem ser encontradas na Nobiliarquia paulistana, de Pedro Taques. Continuamente alimentada e adaptada a novos contextos sociais e políticos, foi associada, no início dos anos 1930, ao:
5. (COSEAC - 2009 - Pref. Cariacica/ES - Professor B de História) - Na Europa, as revoluções de 1848 assinalaram o ponto culminante dos movimentos:
6. (FCC - 2010 - Assembleia Legislativa/SP - Agente Técnico Legislativo - História) - Em mensagem apresentada ao poder legislativo, em 14 de julho de 1918, o presidente do Estado de São Paulo, Altino Arantes, mencionou acontecimentos de caracter muito grave ocorridos em julho do ano anterior, em razão da carestia da vida e da expansão de idéas dissolventes, tendenciosas e anarchicas. O motivo de suas preocupações era a greve geral de 1917, sobre a qual é possível afirmar:
7. (FINIVERSA - 2009 - IPHAN - Analista - História) - A respeito da conceituação e das abordagens do termo patrimônio histórico, julgue os itens a seguir.

I. Patrimônio histórico pode ser definido como um bem material, natural ou imóvel que possui significado e importância artística, cultural, religiosa, documental ou estética para a sociedade. Esses patrimônios foram construídos ou produzidos pelas sociedades passadas, por isso representam uma importante fonte de pesquisa e preservação cultural.
II. Estudos sobre as configurações de patrimônios como práticas sociais visam indexar e representar fragmentos da memória social e se valem da divisão do patrimônio em material e imaterial. O primeiro considera expressões, conhecimentos, práticas, artefatos, lugares e grupos. O segundo, por sua vez, considera bens culturais, bens móveis e bens imóveis, como, por exemplo, belas artes, sítios arqueológicos e acervos museológicos.
III. O termo patrimônio histórico cultural refere-se aos imóveis e aos bens naturais que têm valores significativos e representações na história. A preservação desses começou no século XIX com a restauração de antigas construções destruídas
parcialmente pelas guerras e se intensificou no século XX, após o período da Segunda Guerra Mundial.
IV. Quando um imóvel é tombado por algum órgão do patrimônio histórico, ele não pode ser demolido nem mesmo reformado. Pode apenas passar por processo
de restauração, seguindo normas específicas, para preservar as características originais da época em que foi construído. Tal orientação contribui para a manutenção de construções de relevante valor histórico.
V. A Organização das Nações Unidas para a Cultura, Ciência e Educação (UNESCO) é o órgão responsável pela definição de regras e proteção do patrimônio histórico e cultural da humanidade. A partir dessa orientação, há uma preocupação mundial em preservar os patrimônios históricos locais, por meio de leis de proteção e restaurações que possibilitam a manutenção das características originais. Esse cuidado determina a relevância cultural de determinada localidade e empreende ganhos de várias ordens (sociais, culturais, históricos e financeiros, por exemplo).

A quantidade de itens certos é igual a:
8. (FCC - 2010 - Assembleia Legislativa/SP - Agente Técnico Legislativo - História) - A Divisão de Acervo Histórico da Assembleia Legislativa de São Paulo publica, desde 2000, a série “Parlamentares Paulistas”.

Até agora foram editados três volumes, dedicados à atuação dos deputados:
9. (FINIVERSA - 2009 - IPHAN - Analista - História) - Acerca da história oral, assinale a alternativa incorreta:
10. (FINIVERSA - 2009 - IPHAN - Analista - História) - As várias teorias da história são construídas a partir de um corpus advindo das inter-relações entre a formação de seus propositores, os objetos e períodos de interesse e, também, do acesso às fontes historiográficas. Acerca dessas teorias, assinale a alternativa correta.
11. (FCC - 2010 - Assembleia Legislativa/SP - Agente Técnico Legislativo - História) - Já que a tecnologia digital é um meio mais frágil e instável de armazenamento, se comparada aos meios convencionais de registro de informações, a digitalização de documentos antigos e raros tem como justificativa principal:
12. (UNIMONTES - 2010 - Pref. Montes Claros/MG - PEB II - História) - Não existem fatos políticos, econômicos ou sociais isolados. Não é o tipo de fato – político, econômico, social ou cultural por definição – o que define uma subespecialidade da História, mas sim o enfoque que o historiador dá a cada um desses tipos de fatos. (Barros, José D’Assunção. O campo da história. Petrópolis: Vozes, 2004, p. 112-113) É possível afirmar, a partir de excerto acima, que:

Compartilhe