Concurso BACEN 2020: em breve a liberação de 260 vagas

Quer prestar o concurso BACEN, mas ainda não sabe de nada sobre o concurso? Continue lendo este artigo e saiba tudo sobre o edital previsto para este ano de 2020.

Publicado por Vitor Silva 10/02/2020 - 9:42 AM
8 min. leitura
Concurso BACEN com 260 vagas

Está previsto para sair ainda em 2020, o Concurso BACEN com uma oferta de no mínimo 260 vagas para diferentes níveis. Os concurseiros devem ficar otimistas para este edital.

O sonho de passar em um concurso público é algo que milhões de pessoas almejam, não apenas pelas inúmeras vantagens de se ter um bom salário, mas, pela estabilidade profissional que é ofertada a todos os concursados.

No entanto, passar em um concurso público, não é algo muito fácil e essa conquista requer uma construção de conhecimento, tempo, esforço, persistência, além de muitas horas investidas em estudos, mas no fim, todo esse esforço valerá a pena, quando o aprovado for tomar posse.

O BACEN é um dos concursos mais aguardados por possuir ótimas oportunidades. Antes de adentrarmos nos tópicos deste concurso, vamos conhecer o BACEN, suas áreas de atuação.

Principais “serviços” feitos pelo BACEN

É imprescindível para o candidato, saber as competências do cargo e lugar onde vai trabalhar. São competências exclusivas do Banco Central do Brasil:

  • Emissão da moeda.
  • Execução de serviços de meio circulante.
  • Receber os recolhimentos compulsórios dos bancos comerciais.
  • Realização de operações referentes ao redesconto e de empréstimos de assistência à liquidez às instituições financeiras.
  • Regulação da execução dos serviços referentes a compensação de cheques e de outros papéis.
  • Autorização do funcionamento de instituições financeiras, bem como supervisionar, fiscalizar, e intervir nas mesmas.
  • Controle do fluxo referente aos capitais estrangeiros.
  • Como banqueiro do governo, o BACEN por ser o principal agente financeiro do governo, representa o governo diante das instituições internacionais financeiras.
  • Como gestor cambial, é responsável pelas reservas cambiais em ouro e também em moeda estrangeira.

Vale ressaltar que quem fabrica a moeda e o papel-moeda que circula no território brasileiro é a Casa da Moeda, porém, cabe ao BACEN emitir a circulação.

Sobre o concurso do BACEN 2020

O concurso do BACEN será um concurso público bastante almejado pelos concurseiros, pois, além das vantagens que os aprovados terão, os salários também são muito bons.

O concurso está vindo em uma boa hora, pois segundo a Lei nº 9.650, o BACEN deve ter até 6.470 servidores.

Porém, constam apenas 58% do número de funcionários, gerando assim um déficit de 42%, essa porcentagem está relacionada aos servidores que foram exonerados, se aposentaram, faleceram ou foram desligados.

Hoje, o BACEN está com déficit de 2.251 analistas, 136 procuradores e 384 técnicos.

O concurso ainda está em análise no Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, o que se crê é que o edital saia ainda este ano de 2020.

Quantidade de vagas

No que se refere ao quantitativo das vagas, foram solicitadas 260 vagas, para os níveis médio e superior.

Sobre a carga horária

Segundo o último edital do BACEN, sobre a carga horária, o artigo 22 da Lei nº 11.890, de 2008, os candidatos que forem empossados nos cargos tanto de analista quanto de técnico, ficarão com carga horária de 40 horas semanais.

Cargos e nível de escolaridade

Para o concurso do BACEN terá os seguintes cargos e salários iniciais.

Cargo de analista: serão ofertadas 200 vagas destinadas para os candidatos de nível superior, Tendo salário inicial de R$19.655,06. Poderão concorrer, graduados em diversas áreas de formação.

Cargo de procurador: serão ofertadas 30 vagas, com salário inicial de R$21,472,49. Para essa carreira, é preciso ser bacharel em direito, além disso, para concorrer a vaga, será obrigatório comprovar o exercício de prática forense exercidos em dois anos.

Cargo de técnico: para o cargo de técnico do BACEN, serão ofertadas 30 vagas, com salário inicial de R$7.741,31, além do auxílio alimentação no valor de R$458. Para concorrer às vagas de técnico, é necessário que o participante tenha o ensino médio completo.

Atribuições dos cargos

Algumas das atribuições do cargo de analista do BACEN:

Ser responsável por executar, formular, controlar e acompanhar os planos, programas e projetos que serão relativos à gestão que envolvem políticas monetária, cambial, creditícia e das reservas internacionais.

Além disso, também ficarão responsáveis por emitir a moeda e o papel-moeda, pela gestão das instituições financeiras que estão sob o regime especial, além do desenvolvimento da organização, da gestão e do conhecimento.

Algumas das atribuições ligadas ao cargo de procurador do BACEN:

As atribuições estão ligadas a representação judicial e também extrajudicial ligado a autarquia, atividades de consultoria e assessoramento jurídico, apurar liquidez e certeza dos créditos relacionados a fins de cobrança que estejam em forma judicial ou amigável e dar assistência requerida aos gestores da autarquia nos controles internos.

Algumas das atribuições para o cargo de técnico do BACEN:

Caberão aos técnicos elaborar atividades técnicas e de caráter administrativas. Além disso, também darão suporte aos analistas e procuradores no que for requerido.

O concurso BACEN será para quais regiões?

Ainda não sabemos ao certo em quais regiões as provas serão aplicadas para o preenchimento das vagas. O que podemos especular é que se o próximo concurso for baseado no mesmo edital do último concurso que foi em 2013, todas os estados que possuem o órgão, terão vagas, porém, algumas das capitais não tiveram vagas para todos os cargos.

Locais onde o BACEN atua:

  • Brasília (sede);
  • Rio de Janeiro;
  • Recife;
  • Belém;
  • Belo Horizonte;
  • Curitiba;
  • Fortaleza;
  • Porto Alegre;
  • Salvador;
  • São Paulo.

Sobre as inscrições

Ainda não temos uma data de inscrição definida porque o concurso BACEN 2020 ainda não tem a confirmação.

Porém, se formos seguir o exemplo do último certame do órgão em questão, podemos notar que as inscrições forma feitas via internet, por meio do endereço do site da banca que for escolhida para aplicar a prova.

Como se preparar para provas do concurso BACEN 2020

Tendo como base o último edital, as provas foram cobradas com a seguinte configuração.

Nível superior cargo de analista

Primeira etapa:

• (P1) Prova objetiva conhecimentos básicos – 50 questões (caráter classificatório e eliminatório).
• (P2) Objetiva Conhecimentos específicos – 70 questões (caráter classificatório e eliminatório).
• (P3) Discursiva (caráter classificatório e eliminatório).
• Avaliação de títulos (caráter classificatório).

Segunda etapa: programa de capacitação (caráter classificatório e eliminatório).

Nível médio para os cargos de técnico e procurador

Primeira etapa:

• (P1) Objetiva Conhecimentos básicos – 60 questões (caráter classificatório e eliminatório).
• (P2) Objetiva Conhecimentos específicos – 60 questões (caráter classificatório e eliminatório).
• (P3) Discursiva Conhecimentos específicos (caráter classificatório).

Segunda etapa: programa de capacitação (caráter classificatório).

Conteúdo programático

Na época do último edital, o programa de capacitação teve carga uma horária total de 120 horas, sendo na modalidade presencial e em tempo integral. Com atividade podendo serem realizadas em turnos diurnos e noturnos, inclusive aos sábados, domingo e também feriados.

Tendo como base o último edital, esses foram os conteúdos que foram cobrados para cada cargo e suas respectivas áreas.

Conhecimentos básicos para o cargo de analista

• Língua portuguesa
• Língua inglesa
• Raciocínio lógico

Direito constitucional, direito administrativo, sistema financeiro nacional e sistema de pagamentos brasileiro, economia: I microeconomia, II macroeconomia, III economia brasileira, IV economia internacional.

Conhecimentos específicos

Área 1: análise e desenvolvimento de sistemas:

Noções gerais sobre computadores e sistemas computacionais, gerência de projetos e governança de TI, métricas de tamanhos de software, software, engenharia de software, modelagem de processos de negócio, acessibilidade e engenharia de usabilidade, arquitetura de aplicações, desenvolvimento, portais corporativos, soluções de automação e suporte à decisão.

Área 2: suporte à infraestrutura de tecnologia da informação

Gerência de projetos e governança de tecnologia da informação, computadores pessoais, infraestrutura de servidores, armazenamento de dados e cópias de segurança, segurança da informação, redes de computadores, banco dados informativos, colaboração e mensageria.

Área 3: política econômica e monetária:

Operações bancárias de pagamentos brasileiros, estatística, econometria, finanças, macroeconomia, microeconomia, economia brasileira.

Área 4: contabilidade e finanças:

Contabilidade de instituições financeiras padrão COSIF (plano contábil das instituições do sistema financeiros nacional), contabilidade padrão IASB (international accounting standards board), supervisão das instituições financeiras, finanças, direito administrativo, direito penal, direito empresarial, estatística.

Área 5: infraestrutura e logística:

Teoria das organizações, estatística, matemática financeira, auditoria, administração financeira e orçamentária, informática avançada para usuários, operações logísticas e de infraestrutura, arquivologia.

Área 6: gestão e análise processual:

Teoria das organizações, estratégia, planejamento e projetos, comunicação, aprendizagem organizacional e educação, direito administrativo, direito civil.

Conhecimentos básicos para o cargo de técnico (nível médio)

Língua portuguesa, noções de direito constitucional, noções de direito administrativo, gestão pública, informática para usuários, raciocínio lógico quantitativo.

Conhecimentos específicos para o cargo de técnico:

Área 1: suporte técnico administrativo:

Fundamentos de contabilidade, fundamentos de gestão pessoas, fundamentos de gestão de recursos materiais.

Área 2: segurança institucional:

Gestão de riscos, continuidade de negócios e inteligência, segurança física, operacional e pública, noções de fiscalização de contratos terceirizados relativos à segurança.

Conhecendo o BACEN

O Banco Central do Brasil, BC, BCB ou BACEN como o conhecemos, é uma autarquia federal brasileira que está integrada junto ao sistema financeiro nacional, sendo vinculado ao Ministério da Economia.

O BACEN foi criado na década de 1960, mais precisamente no ano de 1964, mediante a Lei nº 4.595. Da mesma forma que são criados os outros bancos de caráter central pelo mundo. O BACEN é uma das principais autoridades envolvendo questões monetárias do Brasil.

Os nomeados neste concurso serão submetidos ao regime jurídico único dos servidores civis da união, das autarquias e das fundações federais no que se refere a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, e suas alterações.

  • Concurso Previsto

Compartilhe

Concursos Relacionado(s) Vaga(s)